CIN orienta estratégia da Rede Multiquímica para reduzir custos de importação

06/11/2020 - 14h11

O Centro Internacional de Negócios da FIEC se reuniu ontem, (5/11), com os empresários da Rede Multiquímica para orientá-los sobre a estratégia de redução dos custos da importação de insumos e matérias-primas. A Rede Multiquímica é uma central de negócios formada por empresas associadas ao Sindquímica Ceará, ligadas aos setores de cosméticos e saneantes, que tem como objetivo principal a ampliação do acesso a mercados por meio da compra e venda conjunta. 

De acordo com o presidente da Rede e diretor do Sindquímica, Paulo Barreto, a disparada do dólar tem impactado negativamente nos negócios das empresas da Rede, pois a maioria dos insumos utilizados pelas indústrias cearenses é importada. Além disso, as indústrias vêm sofrendo também com a falta de matéria-prima no mercado interno e, por isso, pretende buscar esses produtos no mercado internacional.

“Acontece que, hoje, os produtos que compramos vêm de outros países, porém os adquirimos por meio de trading companys. O que nós buscamos agora, para reduzir custos, é comprar os produtos diretamente dos fornecedores com segurança e, para isso, procuramos a orientação do CIN. Também queremos buscar no exterior o que está faltando no mercado interno”, explicou.

 

A assessora técnica do CIN, Marlene Albuquerque, relatou que a reunião serviu para apresentar o processo de importação aos empresários e tirar dúvidas. Segundo ela, o CIN irá dar o suporte operacional à Rede para que as empresas, conjuntamente, possam viabilizar a importação dos produtos desejados.

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

CIN - Centro Internacional de Negócios | CNPJ: 07.264.385/0001-43
Av. Barão de Studart, 1980 - Anexo Térreo - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024