Encontro de negócios virtual aproxima empresas coreanas e nordestinas

03/09/2020 - 14h09

Nesta quinta-feira (3/9), empresas coreanas de tecnologia em saúde apresentaram, para empresários brasileiros, produtos e soluções utilizados na Coreia do Sul no combate à Covid-19. A apresentação foi realizada em um encontro de negócios virtual promovido pelo Centro de Inovação da Coreia (Em inglês, Korea Innovation Center - KIC), com apoio da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), por meio do Centro Internacional de Negócios. O objetivo era promover uma aproximação comercial e impulsionar negócios com possíveis investidores, fabricantes, empreendedores, distribuidores, representantes e parceiros brasileiros.

O encontro foi aberto pelo professor Pierre Januário, representando a Câmara de Comércio Brasil – Coreia do Sul (KBCham). Ele afirmou que a Coreia do Sul se destaca por ser um país inovador e que investe muito em tecnologia e o encontro de negócios virtual poderá abrir portas para a transferência dessas tecnologias para o Brasil, a partir de parceiros comerciais nas regiões Norte e Nordeste. “Esperamos que deste momento hoje surjam bons negócios”, afirmou.  

O CEO da KBCham, Eduardo Komatsu, disse que o evento será o primeiro de muitos que a Câmara pretende fazer para aproximar ainda mais os dois países e para que o Brasil conheça o que há de melhor e de mais inovador na Coreia do Sul.

Representando a FIEC, o diretor de Comércio Exterior, Marcos Soares, ressaltou que essa aproximação é muito importante nesse momento e no pós-pandemia e que os empresários cearenses têm muito interesse em conhecer o que a Coreia tem a oferecer, especialmente porque no Ceará existe um Polo Industrial e Tecnológico da Saúde, que promete abrir caminhos para que o Estado se torne referência em pesquisa e desenvolvimento tecnológico e industrial na área. “Conhecemos bem a expertise da Coreia e convidamos empresários a participar desse encontro. Nossa expectativa é que deem bons frutos”, destacou. 

Jung Moon, de Washington (EUA), representou o KIC e falou que o evento foi desenhado para ajudar empresas coreanas a expandir fronteiras e também para colaborar com empresas brasileiras para fazerem negócios internacionais e se desenvolverem por meio dessa cooperação. “Escolhemos as melhores companhias coreanas para participar desse encontro. Essas empresas ajudaram a lutar contra o coronavírus na Coreia do Sul e elas poderão ajudar as empresas brasileiras nessa luta também, mitigando os efeitos e estabilizando a situação.”   

As empresas coreanas apresentaram produtos como um dispositivo inteligente de medicina para celular (telemedicina)  que permite diversos testes de sangue; esterilizador de corrimão de escada rolante com luz led ultravioleta; aparelho portátil de medição de composição corporal, máscaras com diferentes níveis de proteção; testes para Covid-19; e termômetro sem contato. Após as apresentações, foram feitos agendamentos para encontros individuais.

O encontro contou também com a participação da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA), Faculdade Laboro e Rede colaborativa Então Pronto!.

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

  • CENTRO INTERNACIONAL DE NEGÓCIOS: Facebook
CIN - Centro Internacional de Negócios | CNPJ: 07.264.385/0001-43
Av. Barão de Studart, 1980 - Anexo Térreo - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024